No dia 20/10 às 14:00 horas na sede da Procuradoria regional do Trabalho da 12ª , atendendo intimação por denúncia do SINPROESC foi realizada audiência entre a UNISUL e SINDICATO para tratar sobre os atrasos e parcelamentos dos salários e não pagamento das férias.

Pelos representantes da UNISUL foi dito que a esma é executada numa grande quantia em créditos previdenciários, dificultando a obtenção da CND, comprometendo o fluxo de caixa e o pagamento dos salários. Outro fator apresentado foi que para pagar salários é necessário a entrada em caixa das mensalidades dos acadêmicos, que vencem no dia 10 de cada mês.

Pelo presidente do SINPROESC foi demonstrado grande preocupação com a situação dos professores da UNISUL, pois se aproxima o final do ano e o mesmo questiona sobre o pagamento dos salários, 13º e férias. Não podemos permitir que volte a acontecer o que ocorreu em 2010 e nem continuar com o atraso e parcelamento dos salários. Todos os professores devem sair de férias com seus vencimentos em dia. Coloca também, que é necessária uma assembleia na instituição para deixar a categoria informada dos acontecimentos, como também, das medidas a serem adotadas pelo SINPROESC.

PROFESSOR (A) O SINPROESC ESTARÁ CONVOCANDO ASSEMBLEIA PARA O INÍCIO DE NOVEMBRO PARA DISCUTIR O ASSUNTO. A PARTICIPAÇÃO DA CATEGORIA É DE SUMA IMPORTÂNCIA.

Atenciosamente,

 

Prof. Carlos Magno
Presidente